A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.

Um olhar sobre o trabalho de enfermagem e a ergologia



Resumo

Este artigo apresenta uma análise de artigos científicos publicados e de tendências nas produções científicas sobre a enfermagem, abordando a subjetividade no trabalho do enfermeiro e o referencial teórico-metodológico da ergologia. A perspectiva ergológica compreende o trabalho como uma atividade essencialmente humana que implica o uso de si do trabalhador, mediado pelo dispositivo dinâmico de três polos. As buscas de artigos, dissertações e teses foram realizadas na Biblioteca Virtual em Saúde, no PubMed e no banco de teses da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), nos meses de abril a julho de 2011 e de fevereiro a abril de 2012. Foram analisados 69 artigos publicados, 14 dissertações e oito teses. Com os achados, percebe-se a relevância do uso de si do enfermeiro na superação das lacunas entre o trabalho prescrito e o real. Concluímos que novos investimentos em estudos sobre a relação dos enfermeiros com o seu trabalho, associada ao referencial da ergologia, poderão explorar como ocorrem as tomadas de decisão, o sentido dado às experiências e as singularidades oriundas da prática laboral.

Palavras-chave

enfermagem; trabalho; enfermeiros,
enfermagem,
trabalhos,
enfermeiros

Download


Métricas

  • Visualizações - 25

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)