A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.

Curso para a formação histórico-política na graduação em saúde: análise de uma construção partilhada

  • Helena Maria Scherlowski Leal David
  • Jose Augusto Pina
  • Eduardo Navarro Stotz
  • Ivo Aurélio Lima Júnior
  • Laíra Augusta Viegas
  • Leonardo Vidal Mattos
  • Lucas Bronzatto
  • Norhan Sumar
  • Helena Maria Scherlowski Leal David

    Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Faculdade de Enfermagem, Departamento de Enfermagem de Saúde Pública, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

    Jose Augusto Pina

    Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

    Eduardo Navarro Stotz

    Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

    Ivo Aurélio Lima Júnior

    Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

    Laíra Augusta Viegas

    Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

    Leonardo Vidal Mattos

    Universidade Federal do Rio de Janeiro, Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

    Lucas Bronzatto

    Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

    Norhan Sumar

    Faculdade de Medicina de Petrópolis, Petrópolis, RJ, Brasil.



Resumo

A graduação universitária das áreas da saúde vem sendo debatida quanto às necessidades de mudanças curriculares em torno dos princípios do Sistema Único de Saúde, entre outros temas. Dentre os desafios apontados, está o da superação da formação tecnicista e operacional e a ampliação da capacidade de reflexão crítica do aluno sobre as determinações históricas e políticas da saúde. O texto analisa o processo ensino-aprendizagem numa perspectiva crítica a partir do curso para a Formação Histórica e Política de Estudantes de Graduação das Áreas da Saúde, atividade extensionista desenvolvida na modalidade semipresencial em nível nacional, apoiada pela Política Nacional de Educação Popular em Saúde no Sistema Único de Saúde. No presente artigo, foi analisada a experiência vivenciada no curso ocorrido de março a dezembro de 2014. O desenvolvimento do curso apoiou-se na concepção teórica e metodológica da construção compartilhada do conhecimento, orientada pelo campo da Educação Popular e Saúde. O artigo apresenta: histórico e processo de construção do curso, projeto político-pedagógico, material didático-pedagógico e contribuições e questões, com apontamentos sobre potenciais desdobramentos futuros em processos formativos na área da saúde.

Palavras-chave

formação em saúde,
trabalho em saúde,
projeto político-pedagógico,
diretrizes curriculares,
sociedade e saúde

Download


Métricas

  • Visualizações - 146

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio