A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.

Globalização e seus impactos na vulnerabilidade e flexibilização das relações do trabalho em saúde

  • Solange Baraldi
  • Monica Yolanda Padilla Díaz
  • Wagner de Jesus Martins
  • Daniel Alvão de Carvalho Júnior
  • Solange Baraldi

    Professora adjunta da Universidade de Brasília (UnB). Doutora em Saúde do Adulto pela Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo (EE/USP)

    Monica Yolanda Padilla Díaz

    Consultora internacional para o desenvolvimento de recursos humanos em saúde da Sub-Região Andina, da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (Opas/OMS). Mestre em Investigação e Administração em Saúde pela Universidade Central do Equador.

    Wagner de Jesus Martins

    Diretor de Programas, Planejamento e Gestão da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde (SCTIE/MS). Mestre em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, da Fundação Oswaldo Cruz (Ensp/Fiocruz).

    Daniel Alvão de Carvalho Júnior

    Assessor técnico do Ministério da Saúde. Mestrando em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília (UnB).



Resumo

No processo de globalização, a flexibilização laboral e a vulnerabilidade da população tendem a aumentar. O objetivo deste estudo é analisar a situação do mercado de trabalho no setor saúde à brasileiro luz dos conceitos da vulnerabilidade no contexto da globalização. Foi realizado um estudo sistemático a partir da produção técnico-científica nacional e internacional. Os conceitos de vulnerabilidade foram tomados como base teórica, pois consideram não somente questões pertinentes ao setor saúde como também sua relação com a estrutura e superestrutura social, passível de integrar-se no marco das condições de trabalho desse setor, que em termos das condições de trabalho podem elucidar a formulação de políticas mais humanas aos trabalhadores.

Palavras-chave

políticas de saúde,
vulnerabilidade,
flexibilização laboral

Download


Métricas

  • Visualizações - 64

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)