A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.

Saúde e qualidade de vida: discursos de docentes no cotidiano de uma escola pública de Santa Catarina

  • Ioná Outo de Souza Wilberstaedt
  • Marcia Gilmara Marian Vieira
  • Yolanda Flores e Silva
  • Ioná Outo de Souza Wilberstaedt

    Secretaria do Estado de Educação, Escola Estadual de Educação Básica Joaquim Santiago, São José, Santa Catarina, Brasil.

    Marcia Gilmara Marian Vieira

    Universidade do Vale do Itajaí, Programa de Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho, Itajaí, Santa Catarina, Brasil.

    Yolanda Flores e Silva

    Universidade do Vale do Itajaí, Programa de Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho, Itajaí, Santa Catarina, Brasil.



Resumo

A pesquisa teve por objetivo conhecer as concepções sobre saúde, doença, qualidade de vida e temas afins de docentes de uma escola pública de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, 2013. Estudo qualitativo, descritivo, com dados coletados por meio de grupo focal e entrevistas semiestruturadas. A estratégia de grupo focal adotada foi orientada segundo a abordagem do ‘círculo de cultura’, no qual os participantes expressaram suas concepções sobre os temas estudados e refletiram sobre como contribuir com estratégias de promoção da saúde no contexto escolar por meio da educação em saúde. O universo da pesquisa foi formado por 16 docentes da rede estadual de ensino; oito docentes confirmaram a participação no grupo focal e, desses, apenas seis compareceram do primeiro ao último encontro. Ao final os dados revelaram que os docentes percebem uma estreita relação entre saúde e qualidade de vida e que uma vida saudável é possível na presença de enfermidade. Enfatizaram a necessidade de maior participação dos pais e profissionais da saúde no processo de educação em saúde e, também, de um preparo sistemático e permanente sobre as questões que envolvam saúde no contexto escolar. As concepções dos docentes reafirmam que a dimensão social sobressai à biológica e que o conhecimento e a valorização desses aspectos, na prática docente, podem ampliar as ações em saúde.

Palavras-chave

saúde,
qualidade de vida,
docentes

Download


Métricas

  • Visualizações - 46

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.