A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.

O teatro de Augusto Boal e a educação profissional em saúde



Resumo

O presente artigo discute as possibilidades da inserção do teatro na educação profissional em saúde, tendo como referência a proposta estética e pedagógica de Augusto Boal. A concepção de politecnia, ao defender para a formação dos trabalhadores uma integração entre trabalho, ciência e cultura, abre espaço para novas possibilidades nesse campo. Autores como Paulo Freire, na educação, e Augusto Boal, no teatro, convergem para a perspectiva de construção, por parte dos trabalhadores, de uma cultura e estética próprias, que reflitam sua concepção de mundo. Buscamos pensar de que forma as proposições teatrais de Augusto Boal podem ser apropriadas para o campo da educação em saúde, tentando estabelecer afinidades e relações entre essas duas práticas, dentro da ótica de uma educação para os trabalhadores da saúde que lhes propicie uma formação humana para além daquela requerida de forma mais imediatista pelo mercado de trabalho.

Palavras-chave

teatro,
Augusto Boal,
educação em saúde,
formação humana

Download


Métricas

  • Visualizações - 12

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio