A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.
Foto de Anna Shvets/Pexels

“O médico brasileiro sabe como tratar a Covid-19”: sentidos de autonomia médica na pandemia

  • Isaac Linhares de Oliveira
  • Matias Aidan Cunha de Sousa
  • Karlla Dannielle da Silva Guedes
  • Nara Raquel Barbosa da Silva
  • Juliana Sampaio
  • Isaac Linhares de Oliveira

    Universidade Federal da Paraíba, Centro de Ciências da Saúde, João Pessoa

    Matias Aidan Cunha de Sousa

    UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA - UFPB

    Lattes:  http://lattes.cnpq.br/6060315438434889
    Telefone: (81) 996357893

    Karlla Dannielle da Silva Guedes

    ³ Universidade Federal da Paraíba, Centro de Ciências da Saúde, João Pessoa

    Nara Raquel Barbosa da Silva

    Universidade Federal da Paraíba, Centro de Ciências da Saúde, João Pessoa

    Juliana Sampaio

    Universidade Federal da Paraíba, Centro de Ciências Médicas, Departamento de Promoção da Saúde, João Pessoa



Resumo

A pandemia de Covid-19 teve início no Brasil em março de 2020. Desde então, há diversas divergências e disputas, entre profissionais de saúde, pesquisadores e entidades regulamentadoras, sobre tratamentos prescritos para essa infecção. Diante desse cenário, esta nota se propõe a discutir a autonomia médica na conjuntura descrita, com base em documentos oficiais do Conselho Federal de Medicina brasileiro, produzidos entre 2020 e 2021, considerando as possibilidades terapêuticas mencionadas. Como resultado, foram obtidos três documentos oficiais que evidenciam como única forma de ‘autonomia’ a ‘autonomia médica’, enquanto a ‘autonomia do paciente’ não é evidenciada no que tange à adoção de terapêuticas. Não observamos discussões nos documentos sobre o princípio bioético da não maleficência e o da própria autonomia. Desta forma, percebe-se que a valorização da ‘autonomia médica’, sem considerar os saberes/fazeres dos pacientes e, tampouco, os achados científicos, pode promover equívocos e ferir princípios do fazer médico.

Foto: Anna Shvets/Pexels

Palavras-chave

Autonomia Profissional,
Autonomia Pessoal,
Conselho de Saúde,
COVID-19,
Medicina

Download


Métricas

  • Visualizações - 329

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)