A Trabalho, Educação e Saúde (TES) é uma revista científica em acesso aberto, editada pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, da Fundação Oswaldo Cruz.

Valores na educação em saúde e a formação profissional

  • Amâncio António de Sousa Carvalho
  • Graça Simões de Carvalho
  • Vítor Manuel Costa Pereira Rodrigues
  • Amâncio António de Sousa Carvalho

    Professor Adjunto do Departamento de Enfermagem de Saúde Mental e Comunitária (DESMC), da Escola Superior de Enfermagem de Vila Real, da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (ESEVR-UTAD), Vila Real, Portugal. Doutorado em Estudos da Criança (Ciências da Educação), com Especialização em Saúde Infantil, pela Universidade do Minho (UM), Braga, Portugal.

    Graça Simões de Carvalho

    Professora Catedrática com agregação, Doutoramento em Biologia, Departamento de Estudos Integrados de Literacia, Didáctica e Supervisão, Instituto de Educação da Universidade do Minho, Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC), Braga, Portugal.

    Vítor Manuel Costa Pereira Rodrigues

    Professor Coordenador com Agregação da Escola Superior de Enfermagem/Centro de Investigação em Desporto, Saúde e Desenvolvimento Humano da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Vila Real, Portugal. Doutor em Ciências Biomédicas pela Universidade do Porto, Portuga



Resumo

O presente estudo traçou, como objetivo geral, analisar o efeito da formação na aquisição de valores em educação em saúde dos estudantes do Curso de Enfermagem de Vila Real, Região Norte, Trásos-Montes e Alto Douro, município de Vila Real, Lordelo, em Portugal, comparando com outros cursos. Trata-se de um estudo descritivo, comparativo e transversal. Participaram na pesquisa 709 estudantes de sete cursos superiores, tendo-se procurado incluir atores que intervêm no processo de educação em saúde, aos quais foi aplicado um questionário de autopreenchimento, no período de outubro a dezembro de 2004. A maioria dos participantes (86,5%) considera que a educação em saúde tem valores a promover, sendo a 'responsabilidade' o valor mais indicado, por 19,2% dos estudantes. O estudo demonstrou que é nos cursos de enfermagem que ocorre a maior evolução nos valores, existindo diferenças altamente significativas (p< 0,001), sendo a média do 4º ano superior à do 1º. Esses resultados evidenciam a necessidade de, em tais cursos, se trabalhar os valores subjacentes ao processo, tão necessários no desempenho dessas profissões.

Palavras-chave

valores sociais,
educação em saúde,
capacitação,
equidade

Download


Métricas

  • Visualizações - 23

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License. Copyright (c) 2022 Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio